A convite do curador José Francisco Alves, em homenagem aos 80 anos da associação rio-grandense de artes plásticas Francisco Lisboa, foram selecionados 15 artistas históricos da instituição a serem homenageados com releituras de suas obras por outros 15 artistas contemporâneos. Ao estudar a obra de Mário Röhnelt percebi que nossos mundos na arte eram bem distintos, porém a relação com o corpo voltada a estética anatômica interessava a ambos. Seu trabalho em desenhos e fotografias tem o corpo como objeto de estudo, seja o próprio corpo ou de modelos/amigos retratados por ele com forte referências estéticas da pop art. Mário desenhava corpos de homens, por vezes dele mesmo, alguns em movimento/ação, e outros em inércia/parados. Para a releitura selecionei fotos que expressão os movimentos que realizo para a preparação da performance “Valências Físicas: A Flexibilidade”. São imagens de movimentos de alongamento, aquecimento do corpo para a ação. Usei as mesmas cores que o Mário em seu trabalho, e apliquei-as como uma máscara na malha que estava usando nas imagens originais. O resultado, fotos que simulam a mesma nitidez e realidade que os desenhos do Mário. Por fim as fotografias manipuladas se parecem com desenhos, assim como os desenhos do Mário surgem de fotografias. 

Sem título

Manipulação Digital

Papel matte canson 

32 x 50 cm

2018

 

At the invitation of the curator José Francisco Alves, in honor of the 80th anniversary of the Rio Grande Association of Fine Arts Francisco Lisboa, 15 artists of the institution were selected to be honored with re-readings of their works by 15 other contemporary artists. In studying the work of Mario Röhnelt I realized that our worlds in art were very different, but the relation with the body turned to anatomical aesthetics interested both of them. His work in drawings and photographs has the body as object of study, be it the body itself or models / friends portrayed by him with strong aesthetic references of pop art. Mario drew bodies from men, sometimes from himself, some in movement / action, and others in inertia / unemployed. For the re-reading I selected photos that express the movements that I perform for the preparation of the performance "Physical Valences: The Flexibility". They are images of stretching movements, warming the body to action. I used the same colors as Mario in his work, and applied them as a mask on the mesh he was using in the original images. The result, photos that simulate the same sharpness and reality as the drawings of Mario. Finally, the manipulated photographs look like drawings, just as Mario's drawings come from photographs.

Untitled

Digital Manipulation

Matte paper canson

32 x 50 cm

2018

 © Portfólio 2019 

 
VERÔNICA
VAZ